Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Arrendamento: Aumento máximo em 2013 para rendas recentes é de 3,36% - INE

Lusa economia

  • 333

Lisboa, 27 set (Lusa) - As rendas, com contratos posteriores a 1990, terão um aumento máximo de 3,36% em 2013, segundo um aviso hoje publicado em Diário da República pelo Instituto Nacional de Estatística (INE) .

O aviso hoje publicado, com a data de 20 de setembro, estabelece de forma oficial a percentagem máxima de aumento que, por exemplo, no caso de uma renda mensal de 500 euros significa uma subida para 516,8 euros.

Nas rendas de 1000 euros, esse valor pode chegar a 1033,6 euros.