Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Antigo número dois do governo de Hong Kong arrecada 4,5 ME na venda de parte da coleção de vinhos

Lusa economia

  • 333

Hong Kong, China, 17 mar (Lusa) -- O antigo número dois do Governo de Hong Kong, Henry Tang, que foi também candidato à chefia do Executivo, vendeu parte da sua coleção de vinhos raros numa operação que rendeu 4,5 milhões de euros, revelou a Christie.

O leilão surge meses depois do antigo candidato a líder do Governo ter sido envolvido num escândalo de obras ilegais na sua casa em Hong Kong que acabaria por ser determinante na derrota que sofreu na corrida eleitoral.

O leilão decorreu durante dois dias e incluiu uma ampla seleção de vinhos raros como Burgundys em colheitas entre 1949 e 2010.