Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Ajuda externa: "Medidas são novo e gravoso ataque aos trabalhadores" - Bettencourt Picanço

Lusa economia

  • 333

Lisboa, 12 set (Lusa) -- O presidente do Sindicato dos Quadros Técnicos do Estado, Bettencourt Picanço, disse hoje à agência Lusa que as medidas anunciadas terça-feira pelo ministro das Finanças, Vítor Gaspar, são um novo e "gravoso ataque" aos trabalhadores e reformados.

"Além de continuarem a ser medidas iníquas de 2012, agora as de 2013 são ainda mais gravosas abrangendo aposentados e reformados. São medidas que enquanto apostam de novo no ataque a trabalhadores e aposentados apostam na recessão e é isso que não percebemos, pois há poucos dias o primeiro-ministro dizia que 2013 não seria ano de recessão", disse.

Em reação à conferência de imprensa do ministro das Finanças, Vítor Gaspar, durante a qual anunciou os resultados da quinta avaliação da 'troika' ao programa de ajuda externa e novas medidas de austeridade, Bettencourt Picanço adiantou que vai promover um conjunto de reuniões por todo o país e contatar outras organizações sindicais para concertar as posições na reunião com o Governo no próximo dia 18.