Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Adega de Vidigueira, Cuba e Alvito quer aumentar exportação de vinhos e prepara encomenda para o Canadá

Lusa economia

  • 333

Vidigueira, 23 out (Lusa) - A Adega Cooperativa de Vidigueira, Cuba e Alvito (ACVCA) quer aumentar a exportação de vinhos, reforçando vendas para mercados onde já atua, sobretudo Angola, e conquistando novos, como o Canadá, para onde prepara uma primeira encomenda.

"O volume de vinhos exportados pela adega é baixo em relação ao desejável" e, por isso, "queremos, claramente, aumentar o volume de exportação dos nossos vinhos", disse hoje à agência Lusa o presidente da ACVCA, José Miguel de Almeida.

Para tal, explicou, a adega, para já, quer "consolidar e reforçar" a presença nos mercados para os quais já exporta, nomeadamente Angola, o mercado "mais emblemático", e "conquistar novos mercados", como o Canadá, para onde está a preparar uma primeira encomenda.