Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Açores: Empresários da ilha Terceira reclamam investimentos urgentes na rede elétrica

Lusa economia

  • 333

Angra do Heroísmo, 31 out (Lusa) -- A Câmara de Comércio de Angra do Heroísmo (CCAH) revelou hoje que cerca de 90 por cento dos empresários da Terceira estão insatisfeitos com a Eletricidade dos Açores (EDA), denunciando prejuízos associados ao deficiente fornecimento de energia elétrica.

O presidente da CCAH, Sandro Paim, disse à agência Lusa que um inquérito promovido pela instituição revelou que os cortes no fornecimento de energia e a falta de qualidade dos serviços assegurados em regime de monopólio pela EDA têm resultado em danos nos equipamentos e em prejuízos nas empresas que chegam a ultrapassar 5.000 euros.

Os dados deste inquérito indicam ainda que quase um terço dos associados da CCAH já formalizaram queixas junto de elétrica regional.