Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

A dívida não é pública, é "um roubo aos trabalhadores" -- Historiadora

Lusa economia

  • 333

Lisboa, 12 out (Lusa) -- O livro "Quem Paga o Estado Social em Portugal", uma investigação económica coordenada pela historiadora Raquel Varela, defende que a dívida afinal não é pública e que o sistema está a "roubar" os contribuintes e os trabalhadores.

"A divida não é pública, é um mecanismo de acumulação de capital, ou seja é uma renda fixa para quem detém os títulos da dívida. A dívida produz juros e esses juros significam uma renda fixa para quem compra os títulos, nomeadamente o setor financeiro" disse à Lusa a historiadora Raquel Varela, da Universidade Nova, e coordenadora do trabalho publicado em livro e que é apresentado hoje em Lisboa.

O livro socorre-se de dados do Instituto Nacional de Estatística e do Eurostat, estabelece a relação "desigual" entre os impostos pagos pelos trabalhadores e os serviços prestados pelo Estado a que os contribuintes têm direito e conclui que o sistema está a "roubar" os cidadãos.