Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Honoris Causa da Universidade de Évora tem "sabor de ajuste de contas" - Cutileiro

Lusa Cultura

  • 333

Évora, 03 out (Lusa) -- O escultor João Cutileiro atribuiu hoje ao doutoramento Honoris Causa recebido da Universidade de Évora um "sabor de ajuste de contas", por o pai, devido à PIDE, não ter concorrido a professor da Faculdade de Medicina.

"Nasci, cresci, fui educado e comecei a envelhecer neste país ainda antes do 25 de Abril. Meu pai, por informação da PIDE, não foi autorizado a concorrer a professor da Faculdade de Medicina de Lisboa", disse.

Por isso, continuou o mestre Cutileiro, "este doutoramento tem um sabor de ajuste de contas".