Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Guimarães2012: Funeral de Portugal reuniu viuvas chorosas e mais de 100 pessoas

Lusa Cultura

  • 333

Guimarães, 23 ago (Lusa) -O funeral de Portugal, hoje em Guimarães, cidade onde nasceu, reuniu viúvas chorosas e mais de 100 pessoas que, em cortejo lúgubre pelas ruas da cidade, chamaram a atenção para aqueles que ainda não sabiam da morte do país.

O enterro simbólico de Portugal, "morto à traição", aconteceu ao abrigo do projeto "Mais Menos, Portugal 1143-2012",de Miguel Januário, integrado na Capital Europeia da Cultura Guimarães 2012.

Em declarações à agência Lusa, o artista explicou que esta foi uma morte encenada em jeito de "apelo" para que "se pense o país" mas também ponto de partida para as próximas etapas, "Ressurreição e Reconquista".