Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Fundações: Cidade de Guimarães critica avaliação que não incide sobre ano da Capital Europeia

Lusa Cultura

  • 333

Guimarães, 10 ago, (Lusa) - A Fundação Cidade de Guimarães, entidade organizadora da Capital Europeia da Cultura, criticou hoje o grupo que analisou as fundações considerando que a sua avaliação, ao não considerar o ano de 2012, não "espelha a prestação real da fundação".

Em comunicado, o Conselho de Administração (CA) da fundação lembra que a sua constituição resulta de "uma iniciativa governamental" e corresponde "ao modelo institucional que o Governo entendeu mais adequado para cumprir um compromisso que assumiu junto da Comissão Europeia".

Ainda segundo o CA, resulta clara "a concentração da atividade da fundação no ano de 2012, em que se concretiza a programação cultural do evento Capital Europeia da Cultura" pelo que "a atividade desenvolvida nos anos precedentes, em particular em 2009 e 2010, período sobre o qual recai a referida avaliação e classificação da Fundação Cidade de Guimarães, é praticamente residual, dado que correspondeu ao período de preparação e conceção do programa cultural".