Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Londres2012: Judo - A prova da vida de Joana Ramos durou menos de três minuos

Lusa

  • 333

Londres, 29 jul (Lusa) -- A judoca portuguesa Joana Ramos (-52 kg) viu hoje as hipóteses de obter um bom resultado nos Jogos Olímpicos Londres2012 desaparecerem em dois minutos e meio, ao perder o seu primeiro combate, com a francesa Priscilla Gneto.

Isenta da primeira ronda, a judoca do Sporting depositava grandes esperanças na sua estreia olímpica, aos 30 anos, mas deixou-se surpreender pela gaulesa, que triunfou por ippon, sem que a portuguesa tivesse conseguido esboçar um ataque verdadeiramente perigoso.

"Tinha os melhores instrumentos possíveis para chegar aqui e fazer uma grande prestação, mas o judo é assim, é imprevisível. Eu quis de mais, senti que podia ganhar e fui precipitada. E no judo, basta uma questão de segundos para nos surpreenderem", afirmou Joana Ramos, que no Mundial de 2011 alcançou um promissor quinto lugar que agora não foi capaz de confirmar.