Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Londres destruiu documentos comprometedores antes da independência das colónias

Lusa

  • 333

Londres, 29 nov (Lusa) -- Milhares de documentos que podiam comprometer as autoridades britânicas foram destruídos aquando da independência das colónias durante os anos 1950-60, confirmam arquivos oficiais desclassificados.

O levantamento do segredo relativo à correspondência da administração colonial mostra a amplitude da designada "Operação Legado", que visava eliminar relatórios comprometedores, nomeadamente dos serviços de informações ou da polícia.

O jornal The Times, que investigou os arquivos, assinala que as instruções oficiais antes da independência do Quénia em 1962 visavam os documentos "suscetíveis de comprometer o governo de sua Majestade e outros governos" e "suscetíveis de comprometer membros da polícia, das forças armadas, funcionários e outras pessoas, entre as quais informadores".