Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Literatura: Reeditada "Sangue Negro", a única antologia poética da moçambicana Noémia de Sousa

Lusa

Maputo, 21 set (Lusa) -- A segunda edição do livro "Sangue Negro", único da poetisa moçambicana Noémia de Sousa, foi lançada na terça-feira, em Maputo, no dia em que a ex-jornalista da Lusa completaria 85 anos se fosse viva.

A edição de "Sangue Negro", que reúne mais de quatro dezenas de poemas, a maioria escritos entre 1949 e 1951, foi publicada pela editora Marimbique, do escritor moçambicano Nelson Saúte.

São cerca de quatro dezenas de poemas, a que se juntam outros dois, um datado de finais de 1986, em memória de Samora Machel, o primeiro Presidente moçambicano, e outro de 1991, em que se sentiu "obrigada" a regressar à escrita na sequência da morte, no espaço de três meses, das suas duas irmãs.