Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Lisboa: População escolhe construção de jardim em Campolide num referendo local

Lusa

  • 333

Lisboa, 12 jul (Lusa) - A população de Campolide, em Lisboa, decidiu a construção de um jardim num terreno baldio da freguesia através de um referendo local organizado pela junta para decidir que destino dar ao espaço, disse hoje o presidente daquela autarquia.

Depois de a Câmara de Lisboa ter desistido de lançar um concurso público internacional para a construção de vários parques de estacionamento na cidade, por falta de verbas, a junta quis avançar com a recuperação de um terreno baldio na Avenida Miguel Torga.

Quanto ao destino a dar ao espaço - fazer dele um estacionamento ou um jardim -, o autarca de Campolide, André Couto, decidiu, por sugestão de um morador da zona, fazer um referendo local para decidir o destino a dar ao espaço.