Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Líderes mundiais 'chocados' com tiroteio em escola nos EUA

Lusa

  • 333

Nações Unidas, 15 dez (Lusa) - Líderes mundiais expressaram hoje "choque" e "horror", reagindo ao tiroteio numa escola primária em Newtown, no estado norte-americano do Connecticut, que resultou na morte de 27 pessoas, incluindo 20 crianças.

O secretário-geral da ONU escreveu ao governador norte-americano Dan Malloy uma carta em que expressa as suas "mais profundas condolências" para com as vítimas do tiroteio, condenando o "hediondo" crime.

A chefe da diplomacia da União Europeia, Catherine Ashton, também afirmou estar "consternada" com o "trágico massacre", à semelhança do presidente da Comissão Europeia, Durão Barroso, que expressou o seu "profundo choque e horror" após ter tomado conhecimento do massacre.