Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Líder do PS diz que Passos Coelho já nem sequer ouve Paulo Portas

Lusa

  • 333

Lisboa, 20 dez (Lusa) - O secretário-geral do PS acusou hoje o primeiro-ministro de ter "delapidado" as condições políticas de governação, dizendo que até o líder do partido parceiro de coligação, Paulo Portas, não é ouvido por Passos Coelho.

Falando perante deputados e funcionários do seu partido no jantar de natal do PS, António José Seguro caracterizou Pedro Passos Coelho como "um primeiro-ministro cada vez menos credível, isolado, desligado da realidade e sem voz na Europa".

"Quando este primeiro-ministro iniciou o seu mandato tinha todas as condições: Uma cooperação com o Presidente da República, uma postura positiva do principal partido da oposição, uma disponibilidade dos parceiros sociais para o diálogo e um benefício de confiança por parte dos portugueses", disse.