Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Líbia pede ajuda à Europa para conter emigração

Lusa

  • 333

Roma, 14 out (Lusa) -- O primeiro-ministro líbio, Ali Zeidan, disse hoje ao jornal italiano La Republica que pediu à Europa ajuda no controlo de fronteiras da Líbia para estancar os fluxos migratórios que cruzam o Mediterrâneo.

"Ao primeiro-ministro italiano, Enrico Letta, e aos restantes líderes europeus digo-lhes que a Líbia deve receber ajuda para gerir este problema. O nosso país encontra-se numa situação atípica e o controlo dos problemas é impossível", disse Ali Zeidan.

O primeiro-ministro líbio sublinhou que a Líbia, país que é utilizado por milhares de emigrantes que querem entrar na Europa, não pode controlar nesta altura o "enorme" fluxo migratório.