Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Líbia: Governo diz que libertará a advogada australiana do TPI em troca de informações

Lusa

  • 333

Sidney, 12 jun (Lusa) -- O porta-voz do Governo líbio, Mohamad al Hereizi, afirmou hoje que libertará a advogada australiana Melinda Taylor, do Tribunal Penal Internacional (TPI), em troca de informação sobre o paradeiro de um ajudante do filho de Kadhafi.

Taylor foi detida na quinta-feira com outros três membros do TPI, entre eles o advogado espanhol Esteban Peralta, depois de se ter reunido com o filho de Kadhafi na prisão onde se encontra detido, na cidade de Zintan, a 180 quilómetros de Tripoli.

Mohamad al Hereizi afirmou hoje, em declarações à emissora australiana ABC, que Taylor será libertada se revelar o paradeiro de Mohammed Ismail, ajudante de Seif al Islam Kadhafi.