Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Libertados ativistas detidos em Macau por ocasião da visita do presidente do Parlamento chinês

Lusa

  • 333

Macau, China, 21 fev (Lusa) - Três ativistas detidos, esta tarde, em Macau, por ocasião da visita do presidente do parlamento chinês ao território, foram libertados pela Polícia Judiciária (PJ), depois de várias horas.

O incidente teve lugar junto à Torre, onde o presidente do Comité Permanente da Assembleia Popular Nacional (APN) da China, Wu Bangguo, era esperado para uma apresentação sobre o desenvolvimento urbano por parte dos governantes locais.

A notícia da detenção de Jason Chao e Lee Kin Yun foi avançada pela Rádio Macau, que relatou que os dois ativistas foram cercados por polícias à paisana, que viriam a transportá-los à força para o interior de uma carrinha que não estava visivelmente identificada como sendo das forças policiais, algo que as imagens transmitidas pela Teledifusão de Macau (TDM) também atestaram.