Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Lei que proíbe venda de drogas em "smartshops" em Conselho de Ministros em fevereiro - Leal da Costa

Lusa

  • 333

Lisboa, 30 jan (Lusa) - A lei que proíbe a venda de drogas, até agora consideradas legais, nas "smartshops", deverá ir a Conselho de Ministros em meados de fevereiro, informou hoje o secretário de Estado adjunto do ministro da Saúde.

"Penso que, dentro de 15 dias, três semanas, no máximo, estará em condições de poder ser apresentada e discutida em Conselho de Ministros", declarou Fernando Leal da Costa, apontando março como prazo possível para a sua publicação em Diário da República.

O secretário de Estado falava à agência Lusa, no final da sessão de encerramento do "workshop" Avaliação de Impacto na Saúde, no Instituto Nacional de Saúde Ricardo Jorge, em Lisboa.