Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Katusha vai apelar ao Tribunal Arbitral do Desporto para manter-se na primeira divisão do ciclismo

Lusa

  • 333

Redação, 12 dez (Lusa) -- A Katusha anunciou hoje que vai recorrer ao Tribunal Arbitral do Desporto (TAS) para reverter a decisão da União Ciclista Internacional (UCI) de negar à equipa russa a licença WorldTour, a primeira divisão da modalidade.

A Katusha enviou um fax à UCI em que rejeita "categoricamente" a "inaceitável e dramática" opção de excluí-la do WorldTour durante três anos (2013 a 2015) e pede que a licença "seja concedida sem atrasos", uma vez que "não há razões que possam justificar" a decisão.

Caso o seu pedido não seja satisfeito, a formação do número um mundial, o espanhol Joaquim Rodriguez, apresentará um recurso ao TAS, como indica a carta enviada a Pierre Zappelli, da Comissão de Licenças, e a Pat McQuaid, o presidente da UCI.