Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Justiça/PPP: PS diz que confia na independência da justiça

Lusa

  • 333

Lisboa, 26 set (Lusa) - O PS recusou-se hoje a comentar as buscas da PJ às casas dos ex-ministros socialistas Mário Lino e António Mendonça e do ex-secretário de Estado Paulo Campos e adiantou que "confia na independência da justiça".

"O PS não comenta casos judiciais em concreto", declarou o deputado do PS Rui Paulo Figueiredo aos jornalistas sobre as buscas realizadas pela PJ às residências dos ex-governantes socialistas com o objetivo de procurar documentos que ajudem à investigação sobre as parcerias público-privadas (PPP).

Sobre este caso em concreto, envolvendo três ex-membros dos executivos de José Sócrates, o coordenador do PS para os assuntos económicos apenas deixou mais uma nota: "A nossa postura é confiar no trabalho da justiça, que ele se desenrolará de modo célere e confiar na independência da justiça", disse, Rui Paulo Figueiredo, nada mais dizendo depois sobre este caso.