Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Justiça: Governo agrava crimes de furto de cobre que afetem populações

Lusa

  • 333

Lisboa, 21 jun (lusa) -- Os furtos de cobre com graves consequências para as populações ao nível das comunicações e do fornecimento de energia vão passar a ser considerados furtos qualificados na proposta de alteração ao Código Penal aprovada em Conselho de Ministros.

A ministra da Justiça, Paula Teixeira da Cruz, explicou qualificação deste tipo de crime com o facto de se tratar do furto de coisas que perturbam a exploração e o fornecimento de electricidade, gás e outros bens essenciais às populações.

A governante referiu que esta esta alteração é uma resposta ao alarme que tem gerado o elevado número de furtos de cobre que deixam muitas vezes as populações sem comunicações ou electricidade.