Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Julgamento do ex-guarda-redes brasileiro Bruno Fernandes marcado para 19 de novembro

Lusa

  • 333

Rio de Janeiro, 08 out (Lusa) - O julgamento do ex-guarda-redes do Flamengo Bruno Fernandes, acusado de ordenar o assassinato de uma amante Eliza Samudio, foi marcado hoje para o dia 19 de novembro, informou o Tribunal de Justiça de Minas Gerais.

Bruno Fernandes é acusado de ser o autor moral do crime que levou à morte de Eliza Samudio, cujo corpo nunca foi encontrado.

A motivação do homicídio terá sido a pressão que a jovem fazia para que Bruno Fernandes assumisse a paternidade do filho que tivera poucos meses antes do crime. A jovem desapareceu em junho de 2010.