Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

José Sócrates está a ser "usado para atacar" o Presidente da República - Alberto João Jardim

Lusa

  • 333

Porto Santo, 28 mar (Lusa) -- O presidente do Governo regional da Madeira, Alberto João Jardim, afirmou hoje que como metade da entrevista televisiva de José Sócrates foi para criticar o Presidente da República, isso mostra que "alguém" está a "usá-lo para atacar" Cavaco Silva.

"Cerca de 50 por cento do tempo da entrevista foi para atacar o Presidente da República. Estou convencido que alguém está interessado em chamar José Sócrates a Portugal para usá-lo a atacar o Presidente da República. Só quem é tolinho é que não vê que há ali um propósito claro de fazê-lo vir para atacar o Presidente da República, em nome de Cavaco Silva não pactuar com certas coisas seja de que governo for", opinou Jardim.

O governante madeirense, que está a gozar um período de férias da Páscoa na ilha do Porto Santo, comentava assim em declarações à agência Lusa e ao Jornal da Madeira a entrevista que o ex-primeiro-ministro, José Sócrates, deu na quarta-feira à noite à RTP.