Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

José Silva Lopes questiona eficácia de "super crédito fiscal"

Lusa

  • 333

Lisboa, 24 mai (Lusa) -- O ex-governador do Banco de Portugal, José Silva Lopes, admite que o país precisa de investimento, mas questiona a eficácia do Crédito Fiscal Extraordinário ao Investimento, uma medida anunciada pelo Governo na quinta-feira.

"Precisamos muito que haja investimento. O investimento feito nos últimos anos em Portugal não chega para repor o desgaste de capital. Estamos a perder 'stock' de capital e é muito importante que o investimento seja estimulado", começou por afirmar o ex-ministro das Finanças, à margem da conferência 'Consensus e Reforma Institucional', organizada pelo Banco de Portugal, Conselho Económico e Social e pela Fundação Calouste Gulbenkian.

Para Silva Lopes uma coisa é admitir a necessidade do investimento e outra é considerar que aanunciada pelos ministros das Finanças e da Economia "vai resolver o problema".