Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Jornalista acusado de ter tentado entrar no quarto de hotel de Miguel Relvas nega a acusação

Lusa

  • 333

Horta, 07 nov (Lusa) -- O jornalista que foi detido na terça-feira à noite na Horta, Açores, por alegadamente ter tentado entrar no quarto do ministro Miguel Relvas negou a acusação, frisando que acabou por dormir no mesmo hotel que o ministro.

"Quando saí da esquadra, já corria a versão de que tinha tentado entrar no quarto do ministro, que vim atrás do ministro para a Horta, que tinha uma agenda igual à do ministro. Então, se era assim, porque me deixaram ficar neste quarto, com o ministro a dormir ao lado? Isso não faz sentido", afirmou Nuno Ferreira, em declarações à agência Lusa, no quarto do hotel onde ocorreu o incidente que originou a detenção.