Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Jogadores, treinadores e árbitros exigem cumprimento salarial no futebol

Lusa

  • 333

Porto, 20 jun (Lusa) -- Jogadores, treinadores e árbitros de futebol exigiram hoje, através das suas estruturas representativas, o cumprimento total dos compromissos dos clubes para com os seus trabalhadores, frisando o caso dos salários em atraso.

Associação Nacional de Treinadores de Futebol (ANTF), Sindicato dos Jogadores Profissionais de Futebol (SJPF) e Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol (APAF) reuniram-se no Porto para analisar o momento da modalidade: no fim, revelaram interesse comum no que diz respeito às incidências relacionadas com os incumprimentos por parte dos clubes e reclamaram mais eficientes mecanismos de controlo.

José Pereira, presidente da ANTF, revelou a existência, "menos comum em épocas anteriores", de salários em atraso naquela classe profissional, afirmando que, "em grande período da temporada, quase 50 por cento dos treinadores não estavam a receber".