Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Jogador português no Chipre alerta para as "maroscas" nos contratos

Lusa

  • 333

Lisboa, 31 mai (Lusa) -- O avançado Paulo Sérgio, que atua no AEL Limassol, alertou hoje os futebolistas portugueses para "terem cuidado" quando assinam por um clube cipriota, pois os contratos podem ter "muitas maroscas".

"Tenham muito cuidado com os contratos que assinam. Antes de assinarem o contrato, apresentem o mesmo no sindicato para saberem se está tudo em ordem. Há muitas maroscas e é preciso ter cuidado", avisou o jogador, de 29 anos, durante uma visita ao Sindicato dos Jogadores Profissionais de Futebol.

Paulo Sérgio, que trocou o Vitória de Guimarães pelo AEL Limassol na última temporada, referiu que, até agora, não teve quaisquer problemas, mas sabe que "muitos clubes não pagam salários" e outros estão a "reduzir os salários entre 30 e 40 por cento".