Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Jogador maliano da Académica mostra-se confiante na estabilização do seu país -

Lusa

  • 333

Lisboa, 05 fev (Lusa) -- O maliano Alphousseyni Keita, jogador da Académica, considera que a França deu um passo "muito importante" ao ter decidido intervir no Mali e mostra-se confiante de que as forças africanas vão agora ser capazes de "fazer o resto".

Em entrevista à agência Lusa, o médio de 27 anos saudou o facto de a França ter decidido intervir militarmente na sua terra natal, a 11 de janeiro, para, juntamente com o exército maliano, combater os grupos islamitas armados do Norte e impedir que estes avançassem para a capital Bamako.

"Não é fácil falar sobre este assunto. Todos os malianos estão apreensivos com o que se tem passado no Mali, mas a situação agora parece estar a melhorar", disse Keita, que desde agosto de 2012 joga pela Académica, na 1ª divisão do campeonato português.