Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Jesualdo diz que aceitar treinar o Sporting foi decisão "séria e honesta"

Lusa

  • 333

Alcochete, 08 jan (Lusa) - Jesualdo Ferreira disse hoje que ter aceitado suceder a Franky Vercauteren foi uma "atitude séria e honesta" para ajudar o Sporting num momento complicado e considerou que a equipa necessita, acima de tudo, de "uma injeção de confiança".

"Aceitei o cargo que o presidente me pediu para ajudar a tirar o Sporting da posição em que está e porque o futebol é a minha paixão", disse o até agora "manager" do Sporting, assegurando que a sua intenção não era ocupar o cargo de Vercauteren, com quem garante ter mantido uma boa relação profissional.

Jesualdo contou que Godinho Lopes o questionou sobre a sua "abertura e disponibilidade" de substituir Vercauteren, ao que respondeu positivamente, com "espírito de missão", e esclareceu que, quando foi contratado como "manager" e disse que ia para o Sporting como treinador, era no sentido de ter "poder para interferir na área técnica e para a unificar", lamentando ter sido entendido como "um assalto ao lugar" do belga.