Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Japão/China: Tóquio vai deportar esta semana os ativistas detidos em ilhas disputadas

Lusa

  • 333

Tóquio, 16 ago (Lusa) -- O Japão anunciou hoje que pretende deportar esta semana os 14 ativistas pró-Pequim detidos por terem desembarcado numas ilhas no Mar do Sul da China para reclamar a soberania chinesa, informou a agência Kyodo.

A guarda costeira japonesa e a polícia de Okinawa detiveram os ativistas por alegada violação da lei de imigração nipónica, depois de terem desembarcado em Uotsuri, a maior ilha do arquipélago das Senkaku, em japonês, e Diaoyu, em chinês.

Cinco dos 14 detidos foram hoje levados para o porto de Naha, na ilha de Okinawa, no sul do Japão, para onde também deverão ser transferidos os outros nove ativistas pró-Pequim.