Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Japão: Três antigos executivos da Olympus declaram-se culpados de fraude

Lusa

  • 333

Tóquio, 25 set (Lusa) -- Dois ex-dirigentes e um antigo auditor do fabricante japonês de máquinas fotográficas Olympus declararam-se hoje culpados de fraude na primeira audiência num tribunal de Tóquio, no âmbito do processo por ocultação de perdas em investimentos.

O antigo presidente da Olympus Tsuyoshi Kikukawa, de 71 anos, o ex-auditor Hideo Yamada, 67 anos, e o ex-vice-presidente executivo Hisashi Mori, de 54 anos, declararam-se hoje culpados por colaborar na apresentação junto do Ministério das Finanças de falsos relatórios financeiros, os quais 'engordavam' os ativos líquidos reais da Olympus.

Segundo o Ministério Público japonês, os três levaram a cabo esta falsificação durante cinco anos, até 2010.