Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Japão estuda novas medidas para reforçar segurança nas centrais nucleares

Lusa

  • 333

Tóquio, 09 jan (Lusa) -- A Autoridade de Regulação Nuclear do Japão está estudar o reforço dos critérios de segurança nas centrais de todo o país para prevenir acidentes, provocados por catástrofes naturais, mas também situações extremas, revelou hoje o diário Nikkei.

Neste sentido, o organismo supervisor prepara um pacote de medidas de prevenção não apenas perante a ocorrência de sismos e tsunamis, como o que devastou o noroeste do Japão em março de 2011, desencadeando uma crise nuclear na central de Fukushima, mas também em caso de eventuais ataques terroristas, acidentes aéreos ou outro tipo de imprevistos.

Um dos requisitos que a autoridade vai exigir às operadoras das centrais é que equipem as mesmas com sistemas que permitam minimizar os níveis de radiação em caso de fuga radioativa.