Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Itália desceu défice para os 3% em 2012 à custa das políticas de austeridade

Lusa

  • 333

Lisboa, 01 mar (Lusa) -- O défice orçamental italiano aproximou-se em 2012 do limite proposto pela União Europeia, depois de terem sido adoptadas as políticas austeridade do primeiro-ministro, Mário Monti, ainda em funções.

A consolidação das finanças públicas permitiu que o défice orçamental do país caísse para 3% do Produto Interno Bruto (PIB), depois dos 3,8% de 2011, indicou hoje o Instituto de Estatísticas italiano (Istat).

O valor do défice orçamental está de acordo com a média das estimativas feitas por um painel de cinco economistas contactados pela agência financeira Bloomberg.