Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Investigador canadiano venceu Grande Prémio Bial/2012

Lusa

  • 333

Porto, 29 abr (Lusa) -- O investigador canadiano Peter St. George-Hyslop venceu o Grande Prémio BIAL de Medicina/2012, no valor de 200 mil euros, com um trabalho que abre novos caminhos no diagnóstico e tratamento das doenças neurodegenerativas, atualmente incuráveis, como o Alzheimer.

A investigação liderada por St. George-Hyslop estabeleceu a base para um diagnóstico precoce destas doenças e para estratégias clinicamente viáveis.

Em declarações à Lusa, o presidente do júri dos Prémios Bial/2012 e diretor do Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar (ICBAS), António Sousa Pereira, disse que "a decisão foi unânime", referindo tratar-se de um investigador com "um trabalho sólido e imenso na área das doenças neurodegenerativas".