Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Inquilinos lisbonenses acusam ministra de se "desdizer" sobre lei do arrendamento

Lusa

  • 333

Lisboa, 12 nov (Lusa) -- A Associação dos Inquilinos Lisbonenses (AIL) criticou hoje a ministra Assunção Cristas por se "desdizer" sobre a nova lei do arrendamento urbano, que entrou hoje em vigor, quanto ao ano de referência para o cálculo de rendimentos.

Em comunicado, a AIL cita a entrevista da ministra do Ambiente e do Ordenamento do Território ao Jornal de Negócios para considerar que a responsável "dá o dito por não dito".

"Em contrário ao que a lei prescreve, para não falar das suas promessas, [a ministra] vem dizer que o rendimento dos inquilinos a ter em conta para efeitos da atualização das rendas passar a ser o rendimento de 2011 e não o de 2012, como está prevista na Lei n.º31/2012", lê-se na nota assinada pelo presidente da AIL, Romão Lavadinho.