Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Inquérito/Swap: Tesouro queria gerir o dossiê apesar da falta de meios

Lusa

  • 333

Lisboa, 16 jul (Lusa) - A diretora-geral do Tesouro e Finanças demissionária propôs ao atual Governo em outubro de 2011 ficar com a missão de gerir o dossiê dos 'swap', apesar de reconhecer a falta de meios para "uma matéria tão complexa".

Elsa Roncon dos Santos disse hoje no parlamento que a Direção Geral do Tesouro e Finanças (DGTF), que tinha a responsabilidade de recolher a informação sobre estes contratos enviados pelas empresas públicas, propôs em outubro de 2011 ficar também com a missão de validar operações futuras.

"Não houve acolhimento da nossa proposta", declarou na Comissão Parlamentar de Inquérito à Celebração de Contratos de Gestão de Risco Financeiro por Empresas do Setor Público, denominados 'swap', onde foi ouvida.