Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Inquérito/swap: Alerta sobre 'swap' resultou do nosso trabalho - Inspetor-Geral Finanças

Lusa

  • 333

Lisboa, 26 jun (Lusa) - O Inspetor-Geral das Finanças disse hoje que foi a análise da Inspeção-Geral das Finanças (IGF) em 2008 às contas das empresas que levou o então secretário de Estado do Tesouro a pedir informação detalhada sobre contratos 'swap'.

José Leite Martins falava no Parlamento, durante a sua audição na comissão parlamentar de Inquérito à Celebração de Contratos de Gestão de Risco Financeiro ('swap') por Empresas do Setor Público, depois de na terça-feira ter sido ouvida a secretária de estado do Tesouro, Maria Luís Albuquerque.

O responsável referiu-se aos relatórios elaborados no final de 2008 sobre o passivo oneroso (endividamento) de empresas públicas, explicando que a síntese final "já continha alguns alertas" sobre os contratos 'swap' (derivados financeiros sobre taxas de juro).