Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Inquérito/PPP: Estradas de Portugal "não serve" objetivos que Estado deve ter para rodovia -- Nunes da Silva

Lusa

  • 333

Lisboa, 19 jun (Lusa) - O professor universitário Fernando Nunes da Silva afirmou hoje que a Estradas de Portugal (EP) "não serve" para os objetivos que devem nortear a atividade de uma entidade do Estado relativamente à rede rodoviária nacional.

"A EP não serve para aquilo que são os grandes objetivos que deve ter uma entidade do Estado em relação à rede rodoviária nacional", afirmou o professor do Instituto Superior Técnico (IST) em declarações aos jornalistas no Parlamento, depois de ter sido ouvido durante mais de seis horas pelos deputados da comissão de inquérito às parcerias público-privadas (PPP) rodoviárias e ferroviárias.

Para Nunes da Silva, "a EP não pode ser apenas uma entidade para onde se transferem os prejuízos dos contratos de concessão e das PPP que estão a ser feitas".