Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Inquéirito/BPN: CDS e Francisco Bandeira travam discussão tensa sobre "canibalização" de PPR pela Caixa

Lusa

  • 333

Lisboa, 12 jun (Lusa) - O ex-presidente do BPN Francisco Bandeira e o CDS travaram hoje uma tensa discussão sobre uma eventual "canibalização" dos planos poupança e reforma (PPR) da Real Vida pela Fidelidade, seguradora da Caixa Geral de Depósitos (CGD).

A questão foi levantada pelo deputado do CDS João Almeida, que estranhou que mais de sete milhões de euros de PPR da Real Vida fossem posteriormente colocados na Fidelidade da Caixa, numa altura em que o BPN nacionalizado tinha administradores da CGD, entre eles o próprio Francisco Bandeira.

Com este ponto, João Almeida procurou esclarecer se terá se terá existido uma "canibalização" de ativos do BPN por parte da CGD, durante o período em que esteve nacionalizado.