Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Indústria agro-alimentar defende encurtamento de prazos de pagamento para todas as empresas

Lusa

  • 333

Lisboa, 04 dez (Lusa) - A Federação Portuguesa das Indústrias Agro-Alimentares (FIPA) defendeu hoje o encurtamento dos prazos de pagamento para todas as empresas do setor, considerando que o diploma aprovado pelo Governo cria "uma injustificada discriminação" baseada na dimensão.

Na semana passada, o Conselho de Ministros aprovou um diploma que prevê a redução do prazo de pagamento às micro e pequenas empresas do setor alimentar para 30 dias (antes era só para os bens perecíveis), bem como às organizações de produtores, cooperativas e médias empresas da fileira do pescado.

No entanto, para a FIPA, a legislação "não resolve os problemas já identificados pela indústria agroalimentar e cria uma injustificada discriminação entre empresas com base na dimensão".