Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Incêndios/Algarve: Vento e mau combate às chamas permitiram que fogo alastrasse - especialista

Lusa

  • 333

Lisboa, 11 ago (Lusa) -- O vento e um mau combate às chamas permitiram que o fogo que atingiu São Brás de Alportel, Algarve, se tivesse alastrado por vários hectares, tornando-se no quarto maior incêndio registado em Portugal, disse hoje um investigador universitário.

"No primeiro dia, o incêndio esteva mais ou menos dominado, mas no segundo dia teve uma propagação extremamente rápida. Em poucas horas, o vento muito forte que se fez sentir fez com que aquele fogo se tornasse o quarto maior incêndio de sempre em Portugal", disse à Lusa Paulo Fernandes, professor do departamento de Ciências Florestais na Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD).

"Com vento, é muito fácil um incêndio propagar-se e este foi um incêndio muito dirigido pelo vento", acrescentou.