Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Incêndios: Investigador diz que há um "longo" caminho a percorrer na segurança

Lusa

  • 333

Lousã, 06 set (Lusa) - O investigador Domingos Xavier Viegas disse hoje que os acidentes em incêndios florestais registados este ano demonstram que há ainda um "longo caminho a percorrer" ao nível dos cuidados de segurança durante o combate às chamas.

"Nós insistimos nesse ponto. Colocamos a segurança em primeiro lugar e falamos aos bombeiros de que devem ter de facto medo do fogo. Não se devem meter à frente dele, como se não fosse nada. Mas talvez essa mensagem ainda não esteja a ser universal", referiu o responsável do Centro de Estudos sobre Incêndios Florestais, situado no aeródromo da Lousã.

Xavier Viegas falava aos jornalistas durante a apresentação, em laboratório, de uma propagação de um fogo num desfiladeiro, para ilustrar o "efeito de chaminé", ou comportamento eruptivo, que é "muito previsível" nos incêndios, mas responsável pela maioria dos acidentes que vitima bombeiros durante o combate às chamas.