Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Imobiliário:Taxar património acima de um milhão de euros vai afastar investidores estrangeiros -- APEMIP

Lusa

  • 333

Lisboa, 02 out (Lusa) -- A decisão de taxar o património imobiliário com valor superior a um milhão de euros é simbólica mas negativa pois vai afastar o investimento estrangeiro, afirmou hoje o presidente da Associação dos Profissionais e Empresas de Mediação Imobiliária (APEMIP).

"[Esta decisão] teve um simbolismo da parte do Governo, que quis demonstrar que os mais poderosos vão ser taxados, mas acho que isto vai ter um simbolismo pela negativa por causa da captação de investimento estrangeiro", declarou Luís Lima, à margem da apresentação do São Imobiliário de Lisboa (SIL).

Segundo dados recolhidos pela APEMIP, serão 20 a 30 mil os imóveis nesta situação, mas a receita fiscal que poderão gerar para Estado não vai ser significativa. "O Governo pensa que vai buscar muito dinheiro com isto, mas garanto que isto vai provocar uma retração do investimento estrangeiro enorme. É mais uma questão simbólica do que de receita porque muitas destas casas estão em nome do Estado e outras estão em nome de fundos que não pagam", afirmou o responsável da APEMIP.