Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Imobiliária Reyal Urbis abre segundo maior processo de insolvência de sempre em Espanha

Lusa

  • 333

Madrid, 19 fev (Lusa) -- A imobiliária espanhola Reyal Urbis comunicou hoje ao mercado que vai apresentar um processo de insolvência -- conhecido como "concurso voluntário de credores" -- depois de não ter conseguido um acordo de refinanciamento da dívida.

O endividamento financeiro líquido da empresa era, no final do terceiro trimestre de 2012, de 3.613 milhões de euros, com os principais credores a incluírem o grupo Caixa Geral de Depósitos, segundo confirmou à Lusa fonte do grupo.

Os credores principais são ainda o Banco Santander, o fundo Appaloosa (comprador da dívida do Barclays), o Banco Popular, o FMS, o EuroHypo, o RBS e o BBVA, lista a que se soma a Fazenda Pública, que tem pendente receber mais de 400 milhões de euros, e o recém-criado banco mau (SAREB).