Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Igreja Católica denuncia "venda ilegal" de terras das comunidades no norte de Moçambique

Lusa

  • 333

Nampula, Moçambique, 22 mai (Lusa) - A igreja católica em Nampula, norte de Moçambique, denunciou hoje a alegada usurpação e venda de terras comunitárias, por parte de alguns membros do governo provincial.

A situação foi denunciada durante uma conferência provincial sobre "Mecanismos de Gestão de Terras e Boa Governação em Moçambique", promovida pela Ação Social Arquidiocesana (ASA) de Nampula em parceria com a Comissão Pastoral da justiça e Paz da Diocese de Nacala.

Diversos casos foram apontados, nomeadamente, pelo padre Francisco Augusto Tausse que apontou a "venda ilícita de extensas áreas de terras comunitárias, por parte de "dirigentes".