Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Human Rigths Watch denuncia exploração de trabalhadores dos Jogos de Inverno de 2014

Lusa

  • 333

Genebra, 06 fev (Lusa) -- A Human Rigths Watch denunciou hoje "fraude e exploração" que são vítimas os trabalhadores emigrantes, que estão na construção das infraestruturas para os Jogos Olímpicos de Inverno de 2014 e acusa a Rússia de ignorar os abusos.

Num relatório intitulado "a corrida com destino", a Organização Não Governamental (ONG) relata várias violações dos direitos sociais no vasto projeto olímpico de Sochi2014, que atraiu dezenas de milhares de trabalhadores, entre os quais 16.000 não russos

A partir de testemunhos de cerca de seis dezenas deles, oriundos da Arménia, Quirguistão, Sérvia, Tajiquistão, Uzbequistão e Ucrânia, a HRW relata um cenário sombrio: salários pagos a metade, em atraso, passaportes e vistos de trabalho confiscados, e semanas de trabalho com mais de 12 horas de jornada, somente com uma folga a cada 15 dias.