Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Human Rights Watch acusa regime sírio de ataques indiscriminados contra civis

Lusa

  • 333

Cairo, 10 abr (Lusa) -- A força aérea do regime sírio tem encetado de forma repetida ataques indiscriminados, e em alguns casos deliberados, contra a população civil, denunciou o grupo Human Rights Watch no seu último comunicado.

A organização sublinha que este tipo de agressões traduz uma "séria violação" às leis internacionais e que os seus autores são responsáveis de "crimes de guerra".

A organização humanitária documentou, pelo menos, 152 mortes de civis em bombardeamentos aéreos durante as suas visitas a 50 zonas alvo de ataques do regime e controladas pela oposição nas províncias do norte como Alepo, Idleb e Latakia, dado não ter obtido autorização para aceder ao resto do país.