Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Hugo Chávez homenageado um mês depois da sua morte

Lusa

  • 333

Caracas, 06 abr (Lusa) -- A Venezuela e outras nações prestaram, esta sexta-feira, homenagem ao antigo Presidente Hugo Chávez, um mês depois da sua morte, com missas, exposições, tiros de salva e atos militares.

As iniciativas de tributo ao antigo governante arrancaram com a inauguração de uma exposição, composta por 350 fotografias que retratam diferentes etapas da vida de Hugo Chávez, que teve lugar na Biblioteca Nacional da Venezuela.

Na Academia Militar de Caracas, onde o antigo líder se formou e onde o seu corpo permaneceu durante dez dias após a sua morte a 05 de março, na sequência de um cancro detetado em 2011, as atividades prosseguiram com o Presidente interino da Venezuela, Nicolás Maduro, a proferir um discurso, perante uma audiência formada sobretudo por militares e transmitido pelo canal estatal VTV, durante o qual definiu Chávez como "Cristo Redentor dos pobres", "comandante supremo" e "líder único".