Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Hospital de São João reduz horas de limpeza, despedimentos são "inevitáveis", diz Conforlimpa

Lusa

  • 333

Porto, 02 nov (Lusa) - O Hospital de São João, no Porto, avançou este mês com o plano de redução de horas contratadas com a Conforlimpa, devido a restrições orçamentais, e o despedimento de funcionários é "inevitável", segundo a empresa de limpeza.

O plano de redução implica passar das 30 mil horas mensais contratadas com a empresa, até outubro, para 22 mil em novembro, 16 mil em dezembro e 10 mil em janeiro.

"Este mês devemos reduzir para 25, 26 mil horas mensais e avançar gradualmente, com a tolerância do hospital. Temos vindo a recolocar os nossos funcionários noutros locais mas os despedimentos são inevitáveis lá para dezembro ou janeiro, quando já não conseguirmos recolocar mais pessoas", disse hoje, à agência Lusa, o diretor da delegação norte da Conforlimpa.